Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

MINHA SECRETÁRIA FOI VIAJAR E DEIXOU SUA FILHA NINFETA NO LUGAR!!

Um conto erótico de TETE
Categoria: Heterossexual
Data: 10/02/2014 07:27:39
Última revisão: 19/09/2018 09:32:43
Nota 9.88

Meu nome é Gabriel, sou fotografo profissional há alguns anos, tenho um estúdio em um prédio no centro da cidade, onde também moro.

Tenho 35 anos e fui casado durante uns anos, mas em função da minha profissão, sempre trabalhando com mulheres bonitas, é complicado manter um relacionamento em virtude do ciúme das mulheres. Como também tenho vários equipamentos de filmagem, além de alugá-los, também trabalho como camera-man em filmes eróticos. Isso ajuda a manter um orçamento equilibrado e sem problemas. Dessa forma tenho uma vida tranqüila e sem sobressaltos. Tenho uma secretária faz tudo...Monica...que trabalha comigo já faz uns 7 anos que é meu braço direito em tudo. Atende telefones, marca compromissos, e deixa tudo muito organizado.

Monica tem 33 anos, mas como sempre levou uma vida muito agitada desde os 15 anos tem uma filha de 17 anos. De vez em quando ela leva a filha junto no trabalho e logo comecei a reparar que a garota estava se tornando uma adolescente muito bonita.

Quando Monica começou a trabalhar comigo tivemos um breve relacionamento sexual, mas que logo acabou se transformou em amizade. Havia outra coisa muito importante, minha secretária Monica ao longo do tempo passou a mostrar que gostava muito mais de mulheres do que de homens, algumas modelos que eram fotografadas por mim acabaram caindo nas mãos de minha secretária safada que adorava uma roçadinha.

Foi então que aconteceu uma coisa que iria se mostrar muito prazerosa.

Minha secretária Monica tinha um tio solteirão sem filhos que morava no norte do país, e então ele ligou dizendo que estava muito doente e pedia que ela fosse até la pra que pudesse deixá-la como herdeira dos bens que possuía. Não era muita coisa, mas com certeza iria ajudar a dar uma melhorada no futuro dela. Rapidamente ela arrumou as coisas pra viajar. Achei que iria ficar praticamente um mês sem minha secretária eficiente, mas então Monica disse que iria deixar sua filha Vanessa para me ajudar. Com 17 anos a garota já cuidava da quitinete onde as duas moravam. Monica me confidenciou que não queria deixá-la sozinha porque como estavam em férias escolares, tinha muitos amigos e amigas bem bagunceiras com certeza a coisa acabaria descambando pra safadeza.

Monica brincou dizendo que nesta idade a xoxotinha vive mordendo a calcinha.

Por mim...achei ótimo...pois mesmo que a garota não fizesse muita coisa poderia ser de alguma ajuda.

Três dias antes da viagem de Monica já trouxe Vanessa junto pra ensinar o trivial apesar de sempre tê-la visto junto com a mãe nunca havia me passado pela mente nenhuma “maldade” quanto aquela garota...a única coisa que notara é que tinha se transformado em uma bela moça.

Quando fui levar Monica no aeroporto junto com a filha...ao se despedir fez questão de dizer pra garota que era pra obedecer as minhas ordens...e que se não me respeitasse podia dar uns tapas nela.

Tudo transcorreu normalmente no restante do dia...tive muitos afazeres e quase nem vi a garota.

No outro dia quando acordei um pouco mais tarde, fui à cozinha tomar um café e tive uma bela surpresa

ao encontrar Vanessa na pia lavando uns copos. Sempre a tinha visto com roupas normais, mas do jeito que ela estava realmente chamava a atenção. Vestia um short curto muito justo, parecia que tinha sido embalada a vácuo de tão colado ao corpo. Apesar de magra tinha uma bundinha super arrebitada e que era impossível passar despercebida. Uma camiseta também justa moldava seus seios em formato de peras. Os cabelos negros compridos realçavam a pele branquinha deixando-a com um ar de ninfeta quase angelical.

Quando percebeu que eu estava ali na cozinha disse toda sorrindo:

-Bom dia...seu Gabriel...fiz o seu café do jeito que mamãe disse que o Sr. gosta...bem forte...vou servir!

Apesar de meu serviço fazer com que sempre visse muitas mulheres nuas nas fotografias ou transando durante as filmagens fiquei um pouco sem jeito diante daquela garota vestida daquela maneira, mas logo me recompus e disse:

-Obrigado Vanessa, tenho certeza que vou gostar...tua mãe deve ter te ensinado tudo certinho.

Enquanto ela me servia o café, tive mais uma visão maravilhosa, por trás tinha uma bunda toda empinada e dava pra notar que ela usava uma calcinha toda enfiada no reguinho, mas na frente tinha uma coisa ainda mais excitante. O short de tão justo rachava sua xoxotinha bem inchada ao meio. Vanessa era uma garota daquelas falsas magras, cinturinha fina, pernas longas também magras mas a bunda e a xoxotinha era bem grandes.

Eu vestia uma bermuda um pouco larga e uma camiseta...era verão e os dias já amanheciam bem quentes...de imediato quase sem perceber tive uma ereção fantástica...a visão daquela xoxotinha marcada daquela maneira por aquele shortinho...deixou-me completamente excitado, e a garota de com certeza devia saber que chamava a atenção e resolvi tentar ver até onde o grau de percepção dela e disse:

-Hummm...o café está muito bom...Vanessa...ja pode começar a pensar em casar.

-RSS...claro que não...nem namorado tenho ainda...vai demorar...seu Gabriel.

-Acho que não vai não...vc é uma gatinha linda...la onde vc mora deve tá cheio de gatinhos querendo te namorar...não é mesmo?

-É...até tem uns meninos que ficam querendo tirar onda comigo...mas não ligo muito pra eles não.

Com certeza Vanessa devia saber das preferências sexuais da mãe e resolvi brincar com ela dizendo:

-Vanessa...vai me dizer que não gosta de garotos...que vc também prefere as meninas?

-Não...claro que não Seu Gabriel...gosto de rapazes...não gosto dos garotos que moram perto da minha casa...um bando de tontos...o único garoto que eu gosto...e é meu melhor amigo o Betinho...é meio gayzinho!

-RSS...Vanessa...acho que meio gayzinho não existe...ou é ou não é.

-que maldade...seu Gabriel....meu amigo Betinho é muito bonzinho...desde que ele foi morar la perto de casa a gente é amigo...mas ele é viadinho sim...até tenta dar uma disfarçada...mas não consegue.

-Eu não to criticando não...é que achei engraçado vc chamá-lo de meio gayzinho. RSS. Mas não se preocupe... não tenho preconceitos...desse tipo...tenho vários amigos e amigas...que são diferentes e eu adoro todos eles.

-É...seu Gabriel...eu sei disso...mamãe sempre fala bem do Sr...que...é super legal...e eu sei que mamãe...é diferente...também...faz tempo.

-Tudo bem...o importante é ser feliz...mas me fala uma coisa Vanessa...tava olhando teu short...grudado desse jeito no corpo...como vc faz pra colocar...parece que as garotas hj usam 38 onde deveria usar 42.

Ela então deu uma gaguejada tentando se justificar e disse:

-Bem...eu...eu...gosto...de usar...assim...bem justinho...mas...mas...o Sr. achou...que fica feio?

-claro que não...eu gosto assim...fica lindo...acho muito sexy...mas...precisa ter um corpo lindo como o seu pra usar assim desse jeito...bunda bonita...e uma frente também...linda e cheinha.

-Ah bom...pensei que o Sr. ia dizer que não tinha gostado...mamãe não gosta muito quando coloco roupas assim...diz que fico mostrando o que não deve...tá cheio de tarados por ai.

-Realmente ela não deixa de ter um pouco de razão Vanessa...mas aqui vc pode usar a roupa que quiser...não tem problemas...alias...sempre tem mulheres nuas no estúdio fotografando...to acostumado.

-que legal Seu Gabriel...tava achando que ia ser meio chato ficar aqui...enquanto minha mãe viajava... mas...to vendo que vai ser legal.

-obrigado pela parte que me toca...então dona Vanessa...vc me achava um chato é?

-não...não é isso seu Gabriel...achava o Sr. muito sério...as vezes que vim aqui com mamãe nunca vi o Sr. sorrir...e brincar assim.

-bem...chega de conversa....tenho que trabalhar...vou pro estúdio...depois a gente conversa mais...

Levantei-me ainda de pau meio duro...não consegui desviar o olhar daquela xoxotinha rachada ao meio...e dava pra notar que Vanessa era uma ninfeta bem safadinha...pois parecia não se importar em se mostrar daquela maneira...

Durante minha sessão de fotos com uma cliente fiquei pensando naquela garota linda que tinha me deixado de pau completamente duro, fazia um bom tempo que não ficava naquela fissura de tesão a flor da pele. Quase sempre almoçava em um restaurante caseiro que ficava a uma quadra do prédio e levei a garota pra comer comigo...só que ela sabia que não poderia ir vestida com aquele shortinho escandaloso e colocou uma calça jeans mas continuou com a camiseta colada, mostrando seus peitinhos durinhos. Durante o almoço conversamos bastante...bem descontraídos...apesar da nossa diferença de idade o dialogo era muito legal.

Após o almoço fui fazer umas filmagens em uma locação e quando cheguei ja era quase meia noite e vi que Vanessa já tido ido dormir...tomei um banho e antes de me deitar, fui até o quarto da garota e resolvi ver se a porta estava fechada...girei a maçaneta...estava aberta...até me deu uma vontade de entrar e ver como ela estava dormindo, mas consegui resistir e sai rápido dali.

Acordei um pouco mais tarde no outro dia, não havia nenhum compromisso marcado para antes do almoço e durante o banho fiquei imaginando o que a minha secretária ninfeta estaria vestida naquele dia.

Vesti-me com uma camiseta regata um pouco comprida com um short de lycra justo...e quando cheguei à cozinha sorri satisfeito com o que vi. Vanessa tinha se superado...tinha colocado uma camiseta branca justa, sem soutien e o short também era de lycra, e desta vez deu pra ver que não estava usando calcinha...a bucetinha estufada era cortada bem no meio. O café estava na mesa e então ela me serviu e eu disse todo sorridente elogiando-a:

-Bom dia...querida...é muito bom acordar e encontrar uma garota linda servindo café pra mim...vou ter que pedir pra tua mãe...deixar vc sempre aqui...não vou mais querer deixá-la ir embora de jeito nenhum.

-Hummm...que bom...acho que vou gostar...hein...aqui é bem mais confortável.

-E ai, dormiu bem gata? Sempre quando a gente dorme fora de casa à primeira noite estranha o lugar.

-que nada seu Gabriel...era umas dez hrs...tomei um banho...como tem TV no quarto...comecei a assistir a um filme...deu-me um sono...desliguei a TV...nem coloquei roupa...dormi peladinha...só acordei hj cedinho.

-que garota boa de cama...hein...eu cheguei era meia noite...as filmagens demoraram...também tomei banho...e antes de dormir até pensei em ver se tava tudo bem com vc...se tivesse entrado no teu quarto teria vista a gatinha peladinha então é?

Vanessa deu um sorriso malandro e disse:

-é...verdade...mas o Sr...sempre tá vendo moças lindas...sem roupas...né...ja tá acostumado.

Resolvi encher a bola da ninfeta safada e disse:

-é...mas vc é diferente...é uma gatinha super linda...que merece ser olhada...bem devagar.

-Se o Sr. tá dizendo...eu acredito...mamãe falou que o Sr. é um ótimo fotografo...que consegue deixar as mulheres muito mais bonitas nas fotos...até as feias...o Sr. consegue melhorar.

-Tua mãe é suspeita de falar bem de mim...faz mais de 7 anos que a gente trabalha junto. Rss. Mas to reparando que a gatinha tem um estoque de roupinhas bem sexy hein Vanessa, esse teu shortinho de hj é mais apertadinho ainda né?

Ela continuou com um sorriso malandro e disse:

-é...este é um pouquinho mais justinho...o Sr. falou que eu podia usar o que eu quisesse...to usando.

Resolvi ousar e então disse:

-claro que sim...alias dá uma voltinha...quero ver esse direitinho...acho que este te deixou mais...ainda...sexy!

A safadinha gostava de se exibir...e deu uma volta ao redor da mesa. Meu pau ficou completamente duro e se Vanessa gostava de se mostrar, logicamente resolvi fazer o mesmo, levantei minha camiseta um pouco e meu pauzão de 20 cms bem grosso estufou meu short de lycra. Ela disfarçou mas não conseguia tirar os olhos...coloquei as mãos atrás da cabeça, me recostando na cadeira e disse todo safado:

-Vanessa...realmente...este shortinho teu de lycra...deixou-te super gostosa...igual às gatas das revistas ...to vendo que vc nem colocou calcinha...ta todo enfiado na tua bucetinha...tá muito sexy...vira de costas...quero ver tua bundinha...vem aqui...pertinho...

Ela toda safada veio mais perto e quando virou a bundinha...peguei o shortinho e puxei pra cima enfiando-o por inteiro no reguinho daquela bunda linda...e então eu disse todo safado:

-pronto...assim...vc ficou muito mais gostosa...vai ver no espelho...do quarto...e volta...aqui!

Ela era bem mandada e bem safada pois voltou e ficou de frente...a parte da frente no que tinha puxado pra entrar no reguinho também entrou entre os lábios de sua bucetinha e alguns pelos apareceram do lado...e então eu disse:

-É Vanessa...vc é muito linda...deixa-me arrumar...aqui na frente...querida...tá aparecendo uns pelinhos...vamos guardar...eles...abre as pernas um pouquinho...vou arrumar pra vc...querida.

Ela abriu as pernas e enfiei dois dedos por baixo do shortinho simulando guardar os pelos...deslizei os dedos entre os lábios daquela xoxotinha toda úmida e quando encontrei o grelinho duro e bem grande da safada, dedilhei-o bem devagar dizendo:

-Calma que vou deixar os pelinhos bem guardados...assim...tá bom assim...mais um pouquinho...tá!

Ela balbuciou alguma coisa...e senti-a tremer em meus dedos...sua bucetinha estava encharcada...e gemeu baixinho...achei que ela ia cair e puxei-a devagar e sentei-a no meu colo...sem tirar minha pica para fora do short...comecei a gozar...ao sentir o calor que emanava daquela bucetinha no meu ventre...

Que loucura era aquilo...era inacreditável a sensação que eu sentia...uma garota de apenas 17 anos me proporcionava um dos melhores gozos da minha vida...sem ao menos penetrá-la. Ela se mexia bem lentamente em cima da minha rola...se deleitando. Fui buscar o ultimo resquício de juízo que ainda tinha na minha mente e me levantei...dei um tapinha de leve no bumbum dela e disse:

-é...chega...de brincadeiras...é uma delicia...mas é muito perigoso...vou tomar um banho...de novo.

Ela se levantou com um sorriso completamente safado naquele rosto angelical e olhando pro volume enorme no meu short todo molhado de porra disse que também ia fazer o mesmo.

Enquanto a água escorria do chuveiro fiquei pensando no que estava acontecendo. Aquela situação era muito estranha, pois aquela garota já tinha vindo várias vezes em casa junto com a mãe e nunca deixou transparecer nenhum interesse por mim e agora assim praticamente do nada resolve me deixar completamente louco de tesão com suas atitudes de extrema safadezas. Até pensei em sair do banho e ter uma conversa séria com aquela ninfeta deliciosa mas ao imaginar que aquelas loucuras poderiam deixar de acontecer, resolvi deixar tudo como estava. Se a safadinha queria continuar a brincar daquela maneira super excitante, resolvi que iria deixar a coisa seguir adiante, sem problemas.

Durante o dia inteiro não aconteceu nada demais...almoçamos no mesmo lugar...conversamos o trivial e não tocamos no assunto de manhã.

Como tinha jogo do meu time naquela noite fui ao estádio junto com amigos e quando voltei já era mais de meia-noite, e logo fui tomar meu banho. Antes de ir dormir resolvi dar uma olhada para ver se a porta do quarto da minha querida ninfeta estava fechada e quando girei a maçaneta bem devagar pra não fazer nenhum barulho...continuava como no dia anterior...aberta. Desta vez resolvi entrar para ver como a minha ninfeta safada estava dormindo e logo tive uma surpresa maravilhosa. Ela estava deitada de bruços completamente nua...linda e muito sexy...as pernas entreabertas mostrava sua bucetinha sem muitos pelos e deu pra ver que ela tinha um grelinho bem saliente. A luz do abajur fazia com que sua bunda arrebitada parecesse ainda maior. Dava pra ver perfeitamente seu cuzinho entre suas nádegas. Minha pau ficou duro como aço, admirando o corpo daquela adolescente nua e sensual, até pensei em deitar ali do lado e fazer a coisa acontecer de vez, mas sai e voltei pro meu quarto e logo depois bati uma punheta deliciosa.

Quando acordei, fui tomar meu café e Vanessa continuava sempre linda com seus shorts super colados no corpo com camisetas sem soutien mostrando os bicos duros de seus peitinhos. Aquilo já se tornara a marca registrada daquela ninfeta deliciosa e pra não perder o costume elogiei-a dizendo:

-bom dia minha querida...cada dia vc consegue ficar mais linda...ainda...parabéns.

-bom dia...seu Gabriel...to vendo que o Sr...levantou mais contente hj...seu time ganhou ontem?

-sim...ganhou e bem...mas vou ter que tomar meu café rápido,daqui a pouco vai chegar um cliente muito importante...se conseguir pegar o trabalho...vou ganhar uma boa grana.

-tomara que de certo...vou ficar aqui torcendo bastante pra isso...vou aproveitar para lavar os banheiros antes do almoço...mamãe falou que era pra lavar eles duas vezes por semana...

Foi então que brinquei dizendo:

-com este calor este é um serviço até gostoso...nem precisa de roupa...lava e depois toma banho!

Sai e fui para o estúdio...logo em seguida meu cliente chegou e depois de muitas e muitas conversas e acertos acabei sendo contratado para fazer o trabalho. Logo depois que meu cliente saiu fiz algumas ligações e todo feliz resolvi contar pra Vanessa que tinha conseguido o contrato. Lembrei que ela estava lavando os banheiros e fui procurá-la, nos dois que fui já havia terminado...só restara o meu e quando entrei no quarto escutei sua voz cantarolando uma musica...chegando na porta do banheiro me deparei com aquela ninfeta completamente nua lavando o Box do banheiro...que coisa mais linda aquela bunda branquinha rebolando passando a espuma no vidro...ela me olhou um pouco assustada, mas somente colocou a mão na frente tampando a bucetinha e sorriu dizendo:

-ops...não acabei ainda...resolvi seguir...o seu conselho...to lavando do jeito que o Sr. mandou...peladinha.

Também nem me preocupei em sair rápido dali e encarei-a dizendo:

-é bom saber que vc é uma garota...bem mandada...faz o que a gente pede...e com certeza...agora meu banheiro está bem mais bonito...uma gata linda todinha nua...lavando ele...pode continuar...só vim te dizer que deu certo...peguei o serviço que queria...tudo beleza...hj vamos almoçar no shopping tá.

Ela foi de uma naturalidade incrível...deu um gritinho de felicidade...nem se preocupou em se mostrar toda...por inteira...e disse:

-que legal...seu Gabriel...fiquei contente também...muito bom...que deu certo.

-agora...vou deixar a gatinha linda terminar de lavar o banheiro...tenho que voltar pro estúdio...que pena...eu preferia ficar aqui...vendo vc assim...toda molhada...toda linda...mas tenho que trabalhar...ainda.

Parecia impossível que aquela garota tivesse apenas 17 anos, pois sua safadeza era incrível, pois me olhou toda safada e disse com sensualidade:

-porque não fica...seu Gabriel...to quase terminando...depois vou tomar banho...pode olhar...eu deixo.

Aproveitei a safadeza dela e passando a mão sobre o volume armado na calça eu disse:

-é...eu sei...que vc deixa...vc gosta de shorts apertados...mas gosta de ficar nua também...e vi que gosta de dormir...toda peladinha...quando cheguei...do jogo...tomei banho...e entrei no teu quarto...vc estava de bruços...com sua bundinha linda toda de fora.

-é...fiquei esperando o Sr voltar...mas não resisti ao sono...ja era tarde...porque não me acordou?

Continuei com minha safadeza e disse:

-não...poderia te assustar...vc dormia tão tranqüila...eu também...estava sem roupa...pronto pra dormir.

-não tinha problema...eu não ia assustar não...se acontecer de novo...pode me chamar...eu deixo!

Quase não acreditava naquele dialogo completamente cheio de sedução de ambas as partes e disse:

-então tá meu anjo...tiau...quando acabar ai...vai la pro estúdio...vou tá te esperando pra irmos almoçar...

Sai dali com a pica até doendo de tão dura...que putinha safada era aquela ninfeta...ela estava levando-me à loucura...não conseguia entender tanta naturalidade e ao mesmo tempo tanta sensualidade. Mas...isso não importava muito...era maravilhoso estar vivendo aquela loucura.

Depois de almoçarmos tranquilamente no shopping aproveitamos para dar uma volta nas lojas e então quando passamos em frente de uma loja de moda praia que estava cheia de gente em virtude de uma liquidação, Vanessa pediu pra deixá-la entrar e dar uma olhada. Sentei-me no banco do corredor em frente da loja e fiquei esperando-a voltar. E depois de alguns minutos ela voltou dizendo:

-nossa...tem cada biquíni bonito e barato...quando mamãe ligar...vou pedir pra ela me deixar comprar algum...os meus são bem antigos...

Vi que minha linda ninfeta desejou bastante o que tinha visto e então disse:

-Vanessa...se vc quiser...pode comprar uns 2 pra vc...presente meu...escolhe lá...depois pega o dinheiro comigo pra pagar...vou ficar aqui fora...la dentro tá muito cheio de gente.

Ela logo voltou, pegou o dinheiro pagou e saiu com a sacola das compras toda feliz dizendo:

-obrigado...Seu Gabriel...adorei o presente...são lindos...acho que se deixasse pra comprar amanhã era perigoso só sobrar os mais feios...a mulherada tá comprando de monte...

-ainda bem que passamos por aqui...vejo que vc ficou toda contente...isso é ótimo.

-Adorei...demais...depois eu vou mostrar...pra vc ver...ai vc me fala se gostou.

-com certeza vai ficar bom...em vc fica tudo bem...com este corpo lindo...alias...vou te confessar...prefiro vc...do jeito que estava no banheiro...todinha nua...se pudesse ia proibir a gatinha de colocar roupa.la no AP!

Ela sorriu toda safadinha e saiu andando rebolando na minha frente com sua calça jeans justinha..

Durante a tarde fui fazer umas visitas e só voltei era umas 7 da noite e como estava bastante calor já fui direto pro chuveiro...só escutei o som da TV no quarto da minha ninfeta. Sai do banho só com um short bem leve e folgado, sem cueca...Vanessa estava na cozinha com um short justo e camisetinha...tomando água e então eu disse:

-a gatinha tá com sede...né...muito calor hj...vou pedir 02 lanches pra nós...pode ser querida?

-claro que sim...quero um x-salada...eu adoro...com bastante queijo.

Peguei o telefone e pedi os lanches e enquanto isso minha ninfeta foi tomar seu banho.

Quando ela saiu percebi que ela tinha colocado só uma camiseta branca por cima de uma calcinha fio dental vermelha...e então ela disse:

-Depois do lanche...vou mostrar os biquínis...que vc me deu...tá bom...

-Claro...que quero ver...tenho certeza que é impossível não ficar bem em vc.

A camiseta praticamente não tampava quase nada...quando a safadinha se inclinava pra pegar alguma coisa enquanto arrumava a mesa...a calcinha vermelha enfiada no reguinho se mostrava quase toda.

Os sanduíches chegaram e rapidamente foram devorados por nós...e então o telefone tocou e era a minha secretária Monica que ligava do norte, contando sobre o que tinha ido fazer...estava toda feliz...tudo caminhava bem...e então perguntou sobre a filha...se estava se comportando direitinho...Logicamente ela estava fazendo tudo “certo até demais”...só que eu não podia dizer nada...e então ela pediu pra falar com a filha. Chamei Vanessa na cozinha e disse que tava indo pro estúdio ver meus e-mails no computador e deixei-a falando com a mãe.

Depois de alguns minutos...eu estava sentado na minha poltrona de couro...lendo um e-mail quando Vanessa chegou à frente a minha escrivaninha com um biquíni estampado pequeno e disse toda dengosa:

-e então...coloquei este primeiro...pra vc ver...o que achou?

Rapidamente percebi que o jogo de sedução iria continuar e então respondi todo safado:

-calma...tem que desfilar primeiro...tenho que olhar direitinho...quero ver esta bunda linda rebolando...da uma volta na escrivaninha...bem devagar.\

Ela toda safada fez o que mandei...e tornou a dizer:

-e ai...seu Gabriel...agora deu pra ver bem...gostou deste?

-agora sim...ficou lindo demais...mas a verdade é que a modelo ajuda muito...uma super gata.

Ela sorriu toda sensual e disse que ia colocar o outro e já voltava...

Meu pau já estava quase duro armando uma barraca no meu short largo...e quando ela veio com o outro biquíni meu pau ficou ainda mais duro...Era um amarelo fio dental de amarrar dos lados...aqueles laços eram um convite irresistível para serem desatados e então eu disse:

-Vanessa...esse ficou mais lindo ainda...muito sexy...deixou-te super gostosa...esse merece um desfile mais demorado...vamos...mostra pra mim.

Ela foi e voltou toda sensual...olhando pro volume do meu short...e então toda safada se debruçou com os cotovelos na escrivaninha do meu lado, e empinando aquela bunda deliciosa e disse toda dengosa:

-agora que já mostrei meus biquínis posso ficar aqui com o Sr. ou vou atrapalhar?

-claro que não querida...pode ficar...linda assim...vc pode atrapalhar o tanto que quiser.

-seu Gabriel...deixa-me ver as fotos das modelos que o Sr. fotografa...tá tudo ai no computador né?

-sim...tem vários filmes curtos também...vou colocar pra vc ver...querida...

Ela então resolveu me levar à loucura pois toda sensual disse:

- Posso sentar no teu colo...pra assistir...mais gostoso seu Gabriel...prometo ficar bem quietinha.

-Claro querida...senta...se vc quer...eu deixo...vem.

Ela se sentou bem devagar e encaixei-a certinha em cima da minha pica completamente dura e já babada...e a safadeza agora era completamente explicita.

-pronto...gatinha...ta bem encaixada no meu colo...mas pode se mexer se quiser...eu te seguro...não deixo vc cair...da poltrona...vou colocar primeiro os filmes das modelos.

Ela estava com a bucetinha bem em cima da minha rola grossa...e se mexia se esfregando timidamente. Eu brincava com o lacinho dos lados do biquíni...e então...resolvi atiçar mais ainda e disse:

-Esse biquíni é bem safadinho né...se eu puxar o lacinho...vc fica peladinha né...gata?

-é...verdade...se quiser...soltar eles...eu deixo...pode...puxar...os lacinhos.

-vou fazer isso sim Vanessa...prefiro vc toda nua...vc fica deliciosa...levanta...um pouquinho...ai vc senta de novo...vai ficar...mais gostoso...tenho certeza...que vc também vai gostar...querida...

Ela se levantou e ficou de pé de costas pra mim...devagar soltei os laços e o biquíni caiu aos seus pés, soltei a parte de cima deixando-a toda nua e em segundos tirei meu short liberando minha rola enorme toda dura e babada...escorria pelos lados...então a puxei de volta pro meu colo dizendo todo sensual:

-Agora senta...de novo...Vanessa...vai ser bem mais gostoso...vem...meu anjo.

Levantei-a e coloquei-a em cima da minha pica que deslizou por entre os lábios daquela xoxotinha toda molhada...e continuei todo safado:

-Hummm...que delicia....assim...tá bem mais gostoso né...Vanessa...vc quer que continue assim?

-Sim...nossa...como é quente...grande...é uma delicia...continua...seu Gabriel...hummm!

-isso...assim mesmo...pega...minha pica com a mão...aperta ela na tua bucetinha...faz...bem gostoso...eu sei que vc sabe...sua safadinha deliciosa.

Minhas mãos percorriam seus seios e minha boca mordia sua nuca levemente arrancando suspiros de seus lábios...ela deslizava sua xoxotinha molhada por toda extensão da minha rola dura e grossa roçando em seu grelinho enorme e duro...e então eu disse todo tarado:

-agora...fala...sua safadinha...quer minha pica...dentro da tua bucetinha...vc ainda é virgem...ou já deu?

-eu...nunca...fiz com homem de verdade...assim...ja brinquei com dois garotos onde moro...colega do meu amigo gayzinho...mas tinham pinto pequeno...o teu é enorme....grosso...eu quero...sentir...tudo...dentro...de mim.

Todas minhas duvidas desapareceram em segundos...a ninfeta safada não era virgem...isso me deixou com mais tesão ainda...e então meu comportamento agora seria bem diferente e então eu disse:

-então...a gatinha...quer virar uma putinha de verdade...tá querendo pica grossa de macho...né safada? Vc vai ter...vou meter minha rola putinha!

Levantei-a pelos quadris e encaixei minha rola na entrada daquela xoxotinha e deixei seu corpo descer ...entrou tudo...ela deu um gritinho...meus dedos esfregavam seu grelinho enorme...e sussurrei:

-isso...putinha...o que vc queria...tá inteirinho dentro de vc...que bucetinha apertada tem minha putinha...agora...vai...rebola...bem gostoso...mostra que vc gosta de pica...sua putinha safadinha...rebola na minha vara grossa...mexe...putinha...dá gostoso...pro teu macho...mexe...bem gostoso... rebola safada...dá gostoso...pra mim!

A minha ninfeta era bem mandada...pois em segundos rebolava como uma puta de verdade...rebolava e gemia alto...eu bolinava seu grelo...em instantes ela deu um grito e começou a tremer por inteiro...gozando copiosamente...todo meu ventre e meu saco eram inundados de líquidos...Quando minha ninfetinha putinha se acalmou... disse todo sensual:

-Vc é uma delicia...Vanessa...vc é uma putinha deliciosa...sabe dar gostoso...esta bucetinha apertada.

Ela então sussurrou toda sensual dizendo:

-aiiii...eu adorei...eu tava louca pra dar pra vc...não tava mais me agüentando...que pau gostoso...grosso...nossa...vou querer mais...mete mais...em mim...quero dar mais...que delicia!

Levantei-a do meu colo e disse todo safado:

-Vou deixar esta bucetinha toda ardida...sua putinha gostosa...vai levar muita rola...debruça na escrivaninha...vira esta bundinha gostosa...quero meter em vc...olhando pra esta bundinha deliciosa...vamos.

Enfiei novamente naquela bucetinha sedente e passei a meter com força...ela gemia sem parar...comecei a dar uns tapas de leve naquela bundinha branca deixando-a vermelha...dizendo:

-isso...vadia...rebola na minha rola...putinha gostosa...toma...assim...gostoso...assim...rebola vadia...

Eu metia sem dó...o barulho de nossos corpos aumentava ainda mais o tesão...ela gemia alto sem pudor e logo eu senti que não ia conseguir mais segurar e disse todo tesudo:

-Goza...comigo...putinha...goza...que vou encher esta bucetinha de porra...goza...com teu macho...putinha safada...assim...assim...ahhhhh!

Urrei de prazer...junto com minha ninfeta vadia...e gozamos como loucos...engatados como animais...

Depois de alguns minutos naquele torpor gostoso...meu pau amoleceu e escapou daquela bucetinha apertadinha...a porra branca escorreu pelas coxas da minha ninfeta...e fomos tomar banho...estávamos precisando.

Durante o banho conversamos e fiquei sabendo que depois de ter perdido a virgindade com um garoto de sua idade...começou a ter sonhos eróticos com homens mais velhos, vivia assistindo filmes pornôs e quando a mãe disse que ia viajar e iria deixá-la no meu AP, simplesmente decidiu que ia ser o primeiro homem adulto a meter nela...ela me achava um gato. Nem em sonhos imaginava que isso poderia acontecer comigo daquela maneira. Uma ninfeta tão safada e tão vadia querendo brincar de putinha comigo. Com certeza iria adorar participar daquelas loucuras...ah se ia.

Naquela noite...minha ninfetinha putinha dormiu na minha cama...e logo aprendeu direitinho a engolir minha pica com a boca...ela aprendia rápido...chupei aquele grelinho maravilhoso dela fazendo-a gemer alto...e aproveitei pra enfiar uns dedos em seu cuzinho...ainda virgem...por enquanto.

Foi uma delicia acordar no outro dia com aquela ninfeta linda dormindo de conchinha comigo...quando olhei pro relógio vi que tinha perdido a hr...ja tinha compromissos importantes a serem cumpridos e rapidamente fui tomar banho, enquanto Vanessa preparava o café...e então ela disse que iria sair pra visitar a casa dela, ver se tudo continuava em ordem...e visitar os amigos.

Durante a viagem da mãe eu e Vanessa transamos todo dia...ela era insaciável e criativa...isso me deixava sempre pronto pra satisfazer o tesão daquela ninfeta putinha...era muito bom demais.

Outros contos do TETE acessem meu perfil: //7scripts.ru/perfil/150463

Se quiserem entrar em contato:

skype: tete-cp1

%%%%%%%%9%%

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
15/09/2018 07:07:06
Gozei junto
13/09/2018 07:12:43
muito bom, delicioso, continua
14/01/2016 23:44:57
ESPETACULAR, TESÃO PURO!
12/02/2014 21:36:27
Muito excitante...parabéns!
10/02/2014 11:59:06
muito bom, alias ESPETACULAR seu conto.
10/02/2014 10:21:27
10/02/2014 08:42:40
Muito bom espetacular.




Online porn video at mobile phone


contos eróticos putinha dando o xiri e o cú primeira vezmulher do peito e gigantão do bumbum gigante rebolando até o chãoincesto mãe devassa da xana famintaavisinha gostosa de fildentalporno doido botou amames pra chorarxvideo comendo gay letameterabuda de calça apertada limpando estanteconto erotico gay travesti velha esculachada por negaovelhas coroas gostosas sentadinhas no colo sendo enrabadasxvideos.com judiei da minha alunamiga ssafaada chupo minha bucetax vidio pinto arregassano bucetapausada no c* tão grande que ela cagou e gritou XVídeosvidioporno/fodanaconstrucaoxvideos dificil pra.vc lukafoda insana com cunhadaxvideo sinhazinha vai na sezala da cu para o escravomolestando a filhinha inocente....passando a mao na bucetinha de calcibha..esfregando a rola ate gozarconto gay novinho de tramandai.rsesposa regulou a xoxota o cara foi atras da cunhadaAliviando os funcionarios contos eróticosnovinha dormiu sem caucinha e levo linguada na xoxotacalsinha molhada fotos de bumdas boavideos porno marido viciado em comer a fezes da esposaconto gay filho foder pai marinheiroMania de fica pelada acabei dando pro meu paigta em porno doido com um estranhocontos eroticos A Dama e o Bruto Olhando a prima de causinha de pau duro xsvidioorgia na casa de swing mulheres enfiando a b***** nas ruas por trás das paredesnegona do zoinhao gritano na picaadorocuzinho cabacotia viúva e carente dando para o sobrinho e sendo pega pelo cunhadovideo eróticospapai me ensinando tudopai dando mor dida na perereca e peitao da filha e deu o pinto pra ela lamperXvideos.comcontoscornofui visitar minha inquilina e ela estava só de baby doll contosdois negao dt realisa fantasia de uma mulher casada boa fodaxvidio brasil cunhadinha foi tentando ate consegirmenage masculino contoscontos de casadinhas sapecas malhadasSuse rego tomando na bucettaporno caseiro coroa de brusos levando forte e gemendo gosyosoprica cavalaconto anal veridico negroumbanda xvideoGay afeminado virou mulher na mao do coroa negro contos eroticos os melhoreslevantando a saia daquipornoxvideo historias de sexo de mulheris jantanoscontos eróticos fodendo o cu de Julinho xvdio esposa ensenado garoto a fudercasada chantageada dá o cu contosadoro uma rola gg me rasgando contosXVídeos loirinha Madame a Patroa e a Fazendeira conjunto E vai transarcontos eroticos tomei tudinho a porra do meu cunhadomenina engatada em cao raça pequena contogostosas minisaia enos debaixodelasbaixar vídeo pornô coroas esfregando na caixaxvidio ponor esposa traindo marido porque noa da conta de satifaze elajoelma da buceta enchada da o cu pro amigo do seu filho porno doidcontos erotico eu moleque vi minha tia amamentando seu bebechortepequenocontos eróticos comi o cuzinho e dominei minha prima putinhacuiada fudedo com xortiu de dormicontos eroricos verdade ou consequdciacoroâs xvideòs boquetes çasadasvenho a fuder cu a venhavideos desobrinhas.vagabunda dando a buceta pro tio roludo metexvideos irma dormimdi de ladinho com seu irmaoconto lavador de carro pauzudovideos pono muha vumitano no pauXVI de os foi estuprar a coroa mas ela gostou e gososou gostosoflime porno dois homen trasando com mulher furtapornovideo porno botei meu pau ate as bolas na boca da tiafilho da pica informo fudendo a buceta da mãe gostosaporno caseiro amiga não acredito q o pau do meu marido é grande e pago pra verblogger comedorcasada gozando veja fotoxvideo porno morena nao aqueta rola do negao faz escadalocontos eróticos gay ESCRAVO DO MACONHEIROxxxvideos.Leticia.pésnegao pausudo enfoorca a novinha enquanto fode elaMeu marido é um corno e viado do primo delevio otio pasa amao naminininhaSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhahomem metendo a pica no c* da RavenaXVídeos mulher com peito de cor roxo no bem roxinho"felipe e guilherme- amor em londres"xxvideos loirinha da para o cachorro de raça alemã novinha apois uza droga trazanowww xvideos.mulher.de.che.o.marido.dorme.tra.fode.cunhadovideo dondoca e maridi bisexualporno pasto convinando irmao a nao fude irmaPriminha novinha linda dos peitoes metendo com muleque pauzudotirado cabaso.xnnvidio tirando cabaso.xnvidio.pirocona na titiahttp://contos eroticos rasgaram minha buceta e meu cu branquelomãe chega do serviço e faz a sua filha dando o c****** no XVídeo ela ainda virgem nunca tinha dado minha b***** nem um pouquinho e ela Fraga fica Vista irritada e entra na bagunça