Casa dos Contos Eróticos


Click to Download this video!

Descobrindo novos prazeres na véspera do casamento.

Um conto erótico de Rickjls
Categoria: Homossexual
Data: 11/10/2018 10:09:50
Nota 9.80

Essa é a primeira vez que escrevo um conto... o relato é verídico, porém aconteceu há mais de 10 anos e alguns detalhes não me recordo bem... Me perdoem a falta de experiência... Primeiro apresentarei os dois personagens e depois conto pra vocês o que aconteceu:

Me chamo Ricardo, na época tinha 25 anos, 1.79 de altura, pesava 67 (me lembro bem porque engordei exatos 10 quilos em 11 anos de casamento), um pau normal de 17 centímetros (bem retinho), moreno claro, resumindo um cara normal, que já havia pego muitas gatinhas, mas havia se encantado com uma e resolveu casar... Danilo era um grande amigo da faculdade, tinha 22 anos, era um pouco mais alto que eu, acho que tinha 1,82, e uns 70kg, o corpo era bem parecido com o meu, porque muitas vezes um emprestava roupa para o outro. O que chamava atenção no Danilo era o volume que roupa nenhuma era capaz de esconder, fosse de sunga, short ou calça, a mala estava sempre marcada... Mas nunca antes havia tido a oportunidade de contemplar o que a roupa escondia... Mas vamos ao que aconteceu naquele 12 de janeiro de 2016:

Sexta feira (faltando um dia para o meu casamento), era umas 11:00h da manhã, eu estava correndo atrás de alguns preparativos para o casamento e de repente eu recebo uma mensagem SMS do Danilo (que era um dos meus padrinhos e morava em outra cidade) perguntando se teria algum lugar em minha casa para ele dormir, nem que fosse pra dormir em cima de cobertores no chão, pois ele sabia que muitos parentes meus que vinham e fora iriam ficar na casa dos meus pais... O cara era meu melhor amigo, e meu padrinho de casamento, não tinha como dizer não... eu até pensei de ir com ele para o apartamento onde eu iria morar, mas a minha noiva vetou... disse que só tinha uma cama de casal montada e quem iria estrear aquela cama era nós dois. Eu simplesmente ri e concordei, mas minha cabeça nunca imaginou que pudesse acontecer qualquer coisa, por vários motivos: Nunca havia me relacionado com homens (embora sentia alguma curiosidade), nunca imaginei que o Danilo curtia esses lances e também que no dia seguinte estaria me casando com ela! Não tinha nenhum motivo para imaginar que alguma coisa aconteceria naquela noite. Pois bem, arranjei um colchão com um vizinho e falei para o Danilo que ele poderia dormir em casa sem nenhum problema. Ele disse que chegaria no ônibus das 20:30 e que já tinha combinado com o Júlio e o Mateus (que eram outros amigos de faculdade que moravam na mesma cidade que eu), de irmos para um barzinho para celebrar minha última noite de solteiro. Conversei com minha noiva e ela concordou que saíssemos, desde que fôssemos apenas nós 4 (não tivesse nenhuma mulher), e que não ficássemos até tarde, afinal no outro dia ás 10:00h da manhã estaríamos casando no civil... Concordei com as recomendações e escolhi um barzinho muito bacana da cidade, já que não seria eu que pagaria a conta...

Era umas 20:15h quando o Júlio e o Mateus passaram em minha casa e fomos buscar o Danilo na rodoviária. Ao descer do ônibus demos um abraço bem apertado (já que fazia mais de 1 mês que não nos víamos), meu Deus, que homem cheiroso! Uso esse perfume até hoje por causa dele (Alure da Chanel). Saímos da rodoviária e fomos para o barzinho, onde colocamos o papo em dia e tomamos muiiiiita cerveja. Ninguém estava em condições de dirigir, então o Júlio deixou o carro lá e pediu para o irmão dele ir nos buscar.

Chegamos em casa, já por volta da meia noite, levei uma bronca da minha mãe, que já não tinha concordado com essa saídinha. Enquanto eu arrumava nossas camas o Danilo foi tomar um banho, como o meu quarto era suíte, ele saiu do banho de cueca mesmo (foi difícil não encarar aquele volume), mas tirei os olhos e fui tomar banho, durante o banho foi difícil parar de pensar naquela imagem e senti o meu pau ganhar vida, naquele momento não tava entendendo nada... afinal eu era hétero, e em menos de 10 horas estaria me casando com o amor da minha vida... Pois bem mudei os pensamentos e comecei a pensar na nova vida que se iniciaria a partir do dia seguinte, e esqueci um pouco o Danilo... Mas não deu para esquecer por muito tempo porque ao sair do banho (de short) eu esperava encontrar o Danilo já vestido para dormir, mas ele continua lá deitado no colchão, debaixo do ventilador, com as pernas abertas e com a cuequinha branca fazendo aquele volume hipnotizante... Ao ver aquela cena eu dei uma risada e falei: É assim que você dorme? e ele disse: Na minha caso durmo pelado, mas posso dormir pelo menos de cueca aqui, né? Eu só dei uma risada e disse que sim, e que já que ele dormiria de cueca, eu tb iria dormir assim...

Deitei em minha cama e ele no colchão e ficamos relembrando as farras na faculdade, relembramos os casos, falamos da mulherada que pegávamos, e lembramos que pra mim aquilo seria só história a partir daquele dia... Quando percebemos já era quase 2:00h, em menos de 8 horas eu teria que estar no cartório, então apaguei a luz e fomos dormir... Embora eu estivesse cansado, sob efeito de alcool, a ansiedade não me deixava dormir, ficava pensando no casamento, depois vinha aquela imagem do Danilo, que estava dormindo logo ali do meu lado, só de cueca...

Comecei a escutar um barulho, parecia que o Danilo estava brincando com o pau. Fiquei quietinho fingindo que estava dormindo... o safado estava batendo punheta mesmo... acendeu a luz e eu fiquei com os olhos fechados, fingindo dormir profundamente, ele se levantou e foi até a mala dele e pegou uma peça de roupa (depois fui ver que era uma meia) e voltou para o colchão... Ele pegou a meia para limpar a porra, porque ele ia usa-la para limpar a porra... Danilo apagou a luz e eu continuei a fingir que dormia... Agora o cuspe que estava lubrificando o seu pau estava deixando mais claro que ele estava batendo uma punheta mesmo, mas eu continuei fingindo que dormia... Depois de uns 3 minutos que ele havia apagado a luz, ele a acendeu novamente... ele queria me observar, e eu continuava fingindo que estava dormindo... após bastante me observar, ele resolveu ousar um pouco mais... passou a mão de leve em minha bunda, que estava virada para ele, eu me mexi de propósito e ele apagou a luz na mesma hora, aproveitei e mudei de posição, fiquei agora de frente para ele, mas continuei a fingir sono profundo... depois de alguns minutos ele ligou a luz de novo e continuava na punheta, resolveu tentar de mais uma vez, e passou a mão de leve no meu pau e tirou imediatamente... continuei fingindo que dormia, dessa vez não me mexi, mas não consegui evitar a ereção... dessa vez ele não apagou a luz, ficou vendo o meu pau crescer e a minha cueca ganhar volume... como continuava "dormindo", ele resolveu ousar ainda mais... colocou a mão em cima do meu pau que já estava dura como uma pedra, e continuou a sua punheta... Não aguentei mais de pressa coloquei a minha mão em cima da dele com força e segurei a mão dele... ele ficou branco e sem reação...e eu também... depois daquilo não sabia o que fazer... foi aí que ele falou: Ricardo, pelo amor de Deus me desculpe! Nõ sei onde estava com a cabeça, acho que é o efeito do alcool, e faz tempo que não saio com nenhuma garota, por favor, me desculpa e não fala pra ninguém, por favor...

Não sei o que deu na minha cabeça, mas ao invés de simplesmente falar: Ok, acabou aqui e não vamos mais falar nisso! Eu disse, já que começou, porque não acabar? Ele disse: acabar o que? A punheta, que vc estava batendo... E se você estava com a mão no meu pau, é porque você tava querendo pegar, agora bate uma pra mim também... Ele disse, mas cara, isso é loucura de bêbado, não sou gay, eu gosto de mulher... Eu disse: Eu sei, eu também não sou gay, e vou me casar hj, mas agora eu quero experimentar essa sensação que está me deixando louco... De fato o meu pau estava duro como uma pedra, mas o dele tinha amolecido pelo susto, mas quando disse isso, percebi o pau dele crescer novamente... Quando eu vi aquele pau crescendo de novo, não consegui resistir... meti a mão, era o pau mais bonito que eu vi na minha vida...

Desci para o colchão e começamos a bater punheta um para o outro com um tesão que nunca havíamos sentido... Não fazia nem 2 minutos que estávamos nos pegando e eu queria mais... propuzDanilo nem respondeu, só se virou e abocanhou o meu pau... sem perder tempo fiz o mesmo e devorava aquele cacete que com muita dificuldade se acomodava em minha boca... Gostaria de dizer que ficamos muito tempo nos devorando, mas fazia muito tempo que não gozava, estava guardando para a minha lua de mel... não demorou nem 5 minutos e eu gozei na boca do Danilo, nem deu tempo de avisá-lo... o Danilo se assustou e tirou a boca, cuspindo no chão... pedi desculpa para ele e ele falou que tudo bem, mas que também iria gozar... Pedi para ele não gozar em minha boca e ele rapidamente se virou e deu vários jatos de porra no meu peito...

Ficamos parados como que em choque, por alguns minutos... Até que eu quebrei o silêncio: Isso aqui, não aconteceu... Não era para acontecer... E não vai se repetir... Ok? o Danilo só concordou com a cabeça, nos limpamos e fomos dormir...

CONTINUA...

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
13/10/2018 07:34:36
Gostei muito
12/10/2018 15:16:20
Essa primeira vez foi bem intensa... Vamos ver a continuação...
12/10/2018 12:49:29
Muito bom e até nos passa ideia de que aconteceu na real. Claro que deve voltar a acontecer e com mais profundidade. Afinal amigos ajudam amigosnota 10 e add aos favoritos. ( fantasiasocial@bol.com.br )
12/10/2018 11:04:41
Continua, bem excitante
12/10/2018 02:26:03
Cara, que delícia!!! Quero saber o resultado...
11/10/2018 18:32:47
Vai se repetir sim... Vamos lá, conte-nos o restante...
11/10/2018 14:19:29
Tem mais?
11/10/2018 14:09:27
Conta mais
11/10/2018 14:09:07
Essa história ainda promete muito. Nota 10.
11/10/2018 13:59:13
Hehe essa chupansa toda não vai ficar só nisso,rsss k venha o continue. 😉
11/10/2018 11:25:15
Essa história ainda promete muito. Nota 10.




Online porn video at mobile phone


shinichi pegando nós seiosleitinho do papai contos inocenteConto erotico a esposa gostosa recatada velho taradoLuana da nova temporada do quadro rola ou enrola em porno xvideo gratis nao nao para to com dor de barria esse pau muito grande no meu cyxsvidio.agarota.brazileira.da.vammeu enteado minha perdicao bucetafudi ela e o namorado delanovinha cappnaugr sexo69 no sofáruıva se mastu e goża muitofui estuprada pelo meu genropornô dois negão chega na porta de uma mulher com cheque de r 1000contos sexo minha mãe uma damagibi troca troca com família pornoContos jovem faz anal varios homens e cuzinho fica dilatado e dilaceradocontoerotico eu namorada mae e tiopacome o cu da filha e ela gritacorno covarde chorãovideo cazeiro namorqda disendp e o cuzinho e so dele vide pornoporno gay conto o plaboy e o traficante marrentofotos de cu gay gg caserasSo grafida sendo encochada no trem xvideo comxxx videos porno irmao fudendo a irma a foca e igravidando elavideos. evangelicas. sendo. encoxadas. e. gozadasContos eroticos podolatria com fotos chupando pes de primas dormindoela pirando navara com gozada dentro empefilme pornô padrasto de bonzinho comente Adaxvidio com familia sapêcadando jatos de porra na Bunda da colegialvelho tarsdaoporno coeicontos eroticos de enconxadas em coroas gostosas em local publicoso fotos da namorada do traficanti nem de chortinho disfode violento o cu da vo gorda humilhandoprocuro. velho sadio amigo pauzidos gostoso so meuvídeo da pelada gostosona morena aquelas bem gostosa e morena e bem gostoso se tu não fazer carvãoxvidio mulheris gostosas trocando obiquinho de banho no banheiroboquetes e bucetasconto.erotico com fotosjprica cavalaContos Mamadas no paizimx video com a intiada q lava prato sozinha en casa e o pradasto chega e da en cima delaarrombando.o cu da deisy a forçapunhetando para cunhadinha verxvideospraticando scat desde pequena contosna zoofilia as cadelas aceita ser fudidapopolzuda de fil sental dando pro negão com uma de40centimetrovidio de pesouas transandoFudendo a prima ela pidiu arego mais eu nao deixeitransandp no presidio com a maialargada e assada e arrombada contoquero o'zap de um sugador de bucetavi minlha irma crenye no banlhero porrno safadoContos eroticos gay mlk da oficina Contos eroticos anal de ipatinga mggarrafas decoradas com aniandraeguas taradinha no cio pigandoconto erótico de mendingocontos de casadinhas sapecas malhadasFui inciada pelo amigo do meu pai contos eroticoshq eronticostrai o meu maridovelho tarsdaoconto erotico gay aprendendo a dirigir sentado no colocontos eroticos de pescadores velhos iperdotados comendo meninosanjo discreto casa dos contosLoirinha flagada cagando bem grosso no banheiro da TiaXVídeos novinha Caboco apalpando o pau na goela da mulher e homem transandoMeu co ralf me comeu contoDhcs xvideosquero ver as mulheres da xoxota inchada e aceitando o cavanhaquecostumo andar nua em casagozada acidental buceta assustada bravaConto erotico gay o bom filho a casa torna capitulo 10AS CARIOCAS PORNO VIOLENTO 2009puchou a calcinha da prima e colocou cabeça pintocontos eróticos dermatologistas safadasporn contos eroticos negao foi entregador fudeu minha esposaxvidiopai maduro cumendo filha na posicao papai e mamaeconto erotico gay negao dominador gosta de maltratar viado brancoZefa doida você tá aqui de novo olhando na casa dela pornôsexo com a nora gostosa no sofá deitada no colo